Tudo que você precisa saber para entender o Enem

Mais de 8,6 milhões de brasileiros irão participar do Enem 2016 no final de semana dos dias 5 e 6 de novembro. A prova que é dividida em dois dias, possui algumas regras e alterações para esta edição.

As mudanças não estão no modelo de prova, que permanece tendo 180 questões objetivas e uma redação. Com ou sem novidades no exame, é imprescindível que o jovem que irá prestar o Enem fique atento a suas regras e na funcionalidade da prova.

Para que serve?

Atualmente, o Enem é o caminho de entrada para as universidades do país, sejam públicas ou privadas. Por meio das notas obtidas na avaliação é possível conseguir bolsas de estudo de modo integral ou parcial.

Algumas instituições extinguiram seus vestibulares para utilizar a pontuação do exame como forma de avaliação a seus futuros estudantes, por isso é tão importante obter uma boa nota no Enem.

Programação

A prova do Enem acontece entre os dias 5 e 6 de novembro, tendo duração distinta nos dois dias. No sábado o exame é mais curto, com tempo de prova de 4 horas e 30 minutos, neste dia serão realizadas as provas de ciências humanas e ciências naturais.

Entender o Enem

A primeira abrange história, geografia, filosofia e sociologia, concentrando temas relacionado a atualidade, além de cobrar do candidato um conhecimento ligado a políticas públicas, direitos humanos e conflitos sociais. Na segunda base serão as questões de química, física e biologia, as perguntas procuram fazer o aluno relacionar o assunto abordado com seu cotidiano.

Já no domingo serão realizadas as provas de linguagens, códigos e suas tecnologias, com ênfase nas disciplinas de língua portuguesa, literatura e língua estrangeira (espanhol ou inglês, de acordo com a preferência do candidato), artes, educação física e tecnologias da comunicação e informação, também é cobrado bastante a interpretação textual.

E também a base de matemática e suas tecnologias, onde as questões envolveram cálculos, interpretação de tabelas e gráficos, comparação entre medidas de grandeza e número, entre outros assuntos. No geral, as questões são mais voltadas ao raciocínio logico do que à aplicação das formulas.

Além das duas provas objetivas, no último dia também será realizada a redação, por conta disso a duração do exame é mais longa com 5 horas e 30 minutos, e você poderá consultar o Gabarito Enem 2016 alguns dias após o exame.

Horários

Todos os anos, centenas de candidatos acabam chegando atrasados aos locais de prova e por consequência, deixam de realizá-la. O horário é o mesmo em todo o país, os portões são abertos às 12 horas e fechados às 13h, sem nenhum minuto a mais.

As provas são iniciadas às 13h30, é recomendado ao participante que chegue ao local de prova com pelo menos uma hora de antecedência, para evitar encontrar os portões fechados. Para não perder o exame, se programe com antecedência, os locais de prova estão disponíveis no site enem.inep.gov.br.

O que preciso levar

A apresentação de um documento original com foto é obrigatória, vale RG, carteira de trabalho e de habilitação. E também uma caneta esferográfica preta, em material transparente, a única aceita na prova. Não adianta levar lápis, borracha, caneta de outra cor, porque tudo será lacrado, tal como celular, relógio e alguns outros objetos. É permitida a entrada de alimentos e água.

Novidades

O MEC está implantando o sistema biométrico para confirmação de presença nas provas. O cadastramento será feito em um os dois dias do exame e será uma forma de evitar que outras pessoas façam a prova no lugar do candidato.

Para a coleta será utilizado um selo gráfico, igual aos já utilizados em alguns concursos públicos. Os candidatos não saberão do cadastramento, que pode acontece tanto no primeiro como no segundo dia.